Contato para shows e eventos:

Mão de Obra Produções

Tel: 55 (31) 3087-7802 55 (31) 99201-9114

maodeobraproducoes@gmail.com

 

 

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle

o artista

Acredita no poder comunicacional da arte
e em seu caráter sociológico.

Declaração de Artista 

 

Em tempos líquidos onde as incertezas predominam e paradigmas se dissolvem, a instabilidade provoca múltiplas tensões no cotidiano. Uma crise de valores rompe a representatividade entre sociedade e instituições e o vazio que surge é campo fértil para arte e seu espírito desviante.

 

Uma realidade multifacetada se apresenta como possível meio de vivência que se desdobra em infinitas possibilidades. O vazio que amedronta é o mesmo que motiva. Para jogar com a incerteza, experiência e esperança. Este é o universo que experimento em minhas criações artísticas, comunicacional, sociológico, mutável e resiliente.

BIO

 

Raphael Ferreira é um artista brasileiro que atua em múltiplas linguagens e tem o universo pós-moderno como seu campo de trabalho. Mineiro, natural de Montes Claros/MG, mudou-se com um ano de idade para Belo Horizonte/MG, local onde vive e produz suas obras. Bacharel em Comunicação Social pelo UNIBH , com especialização em Produção e Crítica Cultural  pela PUCMinas, acredita no poder comunicacional da arte e em seu caráter sociológico. Também tem formação em Canto Contemporâneo pelo IBCC e em diversos cursos livres na área artística e cultural. Atualmente cursa Produção em Artes Visuais na Fundação Clóvis Salgado e a matéria isolada "Palavras e Escritos de Artistas" no mestrado da Escola Guignard.

Multiartista explora possibilidades criativas de forma experimental. Trabalha com diversas linguagens e suportes. Explora elementos das artes em cruzamento com o universo da comunicação.

Já trabalhou com diversos nomes do meio artístico e conceituadas instituições culturais. Integrou bandas da capital mineira como Melps, Chora Rita, Tabulero e Orquestra Opus. Em 2017 lançou o projeto Seguro Desespero, constituído de um EP autoral com participações de músicos da cena Belo Horizontina, acrescido de fotografias, videoarte e intervenções urbanas. É membro do Libertas Coletivo de Artes.

 

Pesquisa a sociedade pós-moderna e tem influência de pensadores contemporâneos como Michel Maffesoli, Pierre Levy, Darcy Ribeiro entre outros. Aborda a esperança de forma crítica, em tempos onde os ideais coletivos encontram-se desgastados e fragmentados. 


1/2